RESENHA – Banda Krucipha

O Brasil na atualidade é considerado o palco de grandes bandas e músicos com grandíssimo potencial, principalmente no que se refere ao cenário do Heavy Metal e todas as suas vertentes. O Sul do país possui esses talentos e só temos a agradecer, pois ganhamos e muito com isso.  A banda curitibana KRUCIPHA, estilo Thrash Metal, é uma banda que mesmo com pouco tempo nessa caminhada, já somou grandes apresentações ao vivo, alguns prêmios e singles. Atualmente, trabalha na divulgação de seu debut álbum “Hindsight Square One”, cujo lançamento ocorreu em 2014 e gravação ocorrida em 2013, no Estúdio Bunker.

           PRODUÇÃO – Alex Cegalla e banda Krucipha.  No ano de 2014 houve a distribuição do álbum para o Brasil e alguns países, e bem aceito em meio a crítica especializada.

FORMAÇÃO DA BANDA –

Fabiano Guolo – Vocal e Guitarra;

João Ricardo Cavali – Baixo

Felipe Nester – Bateria;

Jgor Nosnyój – Percussão

FAIXAS

Em “Greater Good Parasite” A introdução é estendida, a princípio um som alusivo ao suspense e no decorrer da música quebra tudo, superando as expectativas dos fãs que são verdadeiros adoradores do Heavy Metal. Falando da Faixa “Pulse” Trabalho disponibilizado para download gratuito, sendo o primeiro single da banda, somado a “Denial” o que resultou num conjunto que veio a superar expectativas e verdadeira adrenalina. Já “Indigenous Self” Mostra que Krucipha chegou na hora certa e no momento certo transportando seus fãs a um sincronismo de controle de não querer ter o chão aos seus pés, tamanha é a adrenalina. “The Warning”, “Affordiction”, “Tribal War” e “Reason Lost” É o Ápice de “Hindsight Square One”, voltado ao Thrash Metal, influências incontestáveis Death e Hardcore, vocais imbatíveis graves sem sombra de dúvidas, agressividade veio para ficar.

SINGLES  –  “Hindsight Square One” em sua composição:

01. Greater Good Parasite; 02. Pulse; 03. Denial;

04. Indigenous Self; 05. The Warning, 06. Afforddiction;

07. Tribal War; 08. Reason Lost

Por Barbara Di Lorenzzo

Anúncios